Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

Gabinete Digital - Democracia nas Redes Sociais | Governo do Rio Grande do Sul

Criado em Maio de 2011 o Gabinete Digital é um canal de participação e diálogo entre governo e sociedade que tem enquanto objetivo: incorporar novas ferramentas de participação, oferecendo diferentes oportunidades ao cidadão de influenciar a gestão pública e exercer maior controle social sobre o Estado.
Quem faz o Gabinete Digital RS?Vinculado à Secretaria-Geral de Governo do Estado do Rio Grande Sul o Gabinete Digital tem como Coordenador Geral Vinicius Wu; Coordenador Executivo Luiz Damasceno e Coordenador Adjunto Sérgio Berlotto Jr., e claro, todo um time de profissionais super qualificados. Porque é inovador?A concepção do projeto foi acompanhada de uma ampla pesquisa que analisou exemplos de democracia digital do Brasil e do exterior e inspirou a criação de um conjunto único de mecanismos para a participação. Os canais abertos pelo Gabinete Digital já propiciaram importantes resultados como a geração de políticas públicas e definição de ações pelo Governo do Rio Grande do Sul. Além d…

Projeto PRODES: Monitoramento da Floresta Amazônica brasileira por satélite

O projeto PRODES realiza o monitoramento por satélites do desmatamento por corte raso na Amazônia Legal e produz, desde 1988, as taxas anuais de desmatamento na região, que são usadas pelo governo brasileiro para o estabelecimento de políticas públicas. As taxas anuais são estimadas a partir dos incrementos de desmatamento identificados em cada imagem de satélite que cobre a Amazônia Legal. A primeira apresentação dos dados é realizada para dezembro de cada ano, na forma de estimativa. Os dados consolidados são apresentados no primeiro semestre do ano seguinte.

O PRODES utiliza imagens de satélites da classe Landsat (20 a 30 metros de resolução espacial e taxa de revisita de 16 dias) numa combinação que busca minimizar o problema da cobertura de nuvens e garantir critérios de interoperabilidade. As imagens TM, do satélite americano Landsat-5, foram, historicamente, as mais utilizadas pelo projeto, mas as imagens CCD do CBERS-2 e do CBERS-2B, satélites do programa sino-brasileiro de sen…

Um pouco mais sobre o Susto e a Interoperabilidade

Ainda sobre as considerações do artigo “Susto e Oportunidade são, realmente, excludentes?”, que teve como fundo a matéria publicada na revista Veja de 29 de maio, reforço a questão da taxonomia e trago à discussão também a ontologia, visto a afirmação quanto a “uma das características mais intrigantes do país é a falta de código, de conceito”.  São sobre as iniciativas neste sentido que pretendo abordar.

Um de meus companheiros de trabalho, que possui uma competente visão integradora, Gleyner Novais colocou a lupa no artigo e foi além: “nos falta um modelo ontológico de dados e informações de governo (suportados por um glossário normalizado somado a metadados de negócio), onde a taxonomia cumpre o papel de fachada de apresentação (design) para a comunidade (Cidadãos e instituições)”.
Como eu, ele também vê as iniciativas em curso como uma oportunidade para dar publicidade aos serviços eletrônicos baseados em padrões de interoperabilidade, promovendo agilidade na obtenção de informações,…

A implantação do XBRL no Brasil

O CFC (Conselho Federal de Contabilidade) e o CPC (Comitê de Pronunciamentos Contábeis), com o apoio das entidades que o integram, estão desenvolvendo esforços no sentido de colocar em prática, no Brasil, a tecnologia XBRL (Extensible Business Reporting Language), com a constituição da jurisdição brasileira.
Sua relevância para o país A tecnologia XBRL transforma as informações contábeis que estão disponibilizadas em outro formato, como papel, em arquivos eletrônicos. Os usuários dos dados podem automatizar o seu tratamento, daiminuindo demoradas e onerosas formas de processo de informação, bem como diminuir os custos de revisão de informações. Gestores podem reduzir os custos e acelerar os seus contatos com os clientes. Reguladores e departamentos de governo podem reunir, validar, comparar e analisar os dados com muito mais eficiência e utilidade do que, pelos métodos tradicionais.
O XBRL International O padrão XBRL começou a ser pesquisado há dez anos, nos Estados Unidos, pelo contador …

Responsabilidade Organizacional

O serviço a ser entregue ao cliente pode depender de duas ou mais áreas configurando uma situação, bastante delicada, em que, caso uma área atrase a execução de alguma de suas atividades, pode comprometer o funcionamento de todo o sistema.
O Modelo de Responsabilidade Organizacional (fig. 1) une o mapeamento dos loops das áreas com a adaptação do modelo PageRank, que utiliza o mesmo algoritmo de buscas do Google. Trata da elaboração de um ranking das páginas mais acessadas em uma rede na internet. Leva em consideração também o acesso das páginas de origem, elevando a cotação do endereço acessado.
No modelo mencionado o raciocínio é análogo. Entretanto, o ranking demonstra o gargalo na execução das atividades que compõem o serviço. Ele distribui a responsabilidade na execução dos serviços para todas as áreas da empresa envolvidas no processo. 
 Figura 1 – Modelo de responsabilidade organizacional
O ranking nesse caso demonstra o gargalo na execução das atividades que compõe o serviço. Ou s…

O simples e o complexo

A história já é bem manjada, de tanto que a tenho repetido nos últimos anos - mas sempre há a perspectiva de algum leitor ainda não a conhecê-la. Ela é bastante ilustrativa de algumas decisões que tomamos em nosso dia-a-dia de gestão de processos e que, sem saber, afetam consideravelmente os resultados que alcançamos. Então, vamos lá!

Imagine que você é desafiado pelo seu chefe - assim com o pequeno Carl Friedrich Gauss o foi pelo diretor de sua escola, no fim do século XVIII - a encontrar a soma exata dos números inteiros de 1 a 100 (ou seja, o valor de S = 1 + 2 + 3 + ... + 98 + 99 + 100). Para dar mais realidade à situação, imagine que seu chefe lhe dá como "regras do jogo" a impossibilidade de usar calculadoras ou computadores e um tempo máximo para conclusão da operação de apenas 2 minutos.

Se você está muito voltado para tratar processos como meramente fluxos operacionais de atividades, pode ser que se assuste com o desafio complexo que terá pela frente e que, sem muito …

Avanços recentes da tecnologia espacial nacional

Brasil envia à China mais um equipamento para satélite CBers-4 A Odebrecht Defesa e Tecnologia (ODT) e sua controlada Mectron embarcaram para a China o terceiro modelo de voo do gravador digital de dados (DDR) para o Satélite Sino-Brasileiro de Recursos Terrestres CBers-4, encomendado pela Agência Espacial Brasileira (AEB/MCTI) e pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe MCTI). É o primeiro equipamento deste tipo a ser completamente desenvolvido e fabricado no Brasil. O DDR concebido é responsável pelo armazenamento das imagens terrestres captadas pelas câmeras do satélite. Na China o equipamento será integrado ao novo satélite, previsto para ser lançado no início de dezembro. O DDR é composto por duas unidades: o SRR, um gravador de estado sólido, com cinco canais para dados de imagem e com capacidade de armazenamento de imagens digitais de 40 Gbytes, e o DSS, uma unidade de chaveamento de sinais.
Primeiro cubesat brasileiro será lançado nesta quinta (19) Será lançado nesta qui…

Arquitetura Corporativa e Interoperabilidade – Camada de Processos

Olá leitores!

O primeiro artigo dessa série, que trata de Arquitetura Corporativa e Interoperabilidade, foi proposto um Modelo de Conteúdo para Arquitetura Corporativa, seguido de uma abordagem sobre a relação entre Arquitetura Corporativa, Arquitetura Orientada a Serviços e Interoperabilidade. Os artigos seguintes detalharam as camadas de Negócios, Estratégia e Projetos propostas para o Modelo de Conteúdo. Neste artigo abordaremos a Camada de Processos.

Conforme visto anteriormente, na Camada de Negócios foi definido o Modelo Corporativo de Negócio (MCN) que contém a Cadeia de Valor da Organização. Uma vez mapeada a Cadeia de Valor, o passo seguinte é decompô-la em passos discretos, estabelecendo a rastreabilidade desta com os processos corporativos. Processos corporativos constituem as atividades que os funcionários realizam no dia a dia, sejam processos finalísticos ou processos de suporte ao negócio.



A modelagem de processos é um exercício de documentação detalhada com base na criaçã…

Compartilhando experiências sobre XBRL

Algo que ajuda no momento de implementar novas tecnologias e procedimentos é contar com as experiências compartilhadas por outras pessoas que passaram pela mesma situação.

Na 26ª Conferência Internacional de XBRL, ocorrida na Irlanda em 2013, o consórcio XBRL Finland, o qual reúne organizações públicas e privadas com o objetivo de realizar ações de adoção de XBRL na Finlândia, compartilhou algumas lições aprendidas durante os trabalhos desenvolvidos, as quais são comentadas abaixo.

O conteúdo dos dados deve vir antes do XBRL.
Este alerta é para que não se pense em implantar o uso de XBRL apenas pelo XBRL em si mesmo, ou seja, é preciso primeiro pensar no conteúdo dos dados que serão descritos em XBRL. Se esta medida não for tomada, a qualidade do resultado final ficará comprometida, pois a tecnologia não tem o poder de consertar uma modelagem incorreta dos dados e seus significados, isto deve ser feito com muito cuidado antes de se passar para a fase de aplicação da tecnologia XBRL.
Mante…

BPM e a Teoria dos Jogos

(imagem: Instituto Maurício de Nassau)
Embora similar à Teoria da Decisão , a teoria dos jogos estuda decisões que são tomadas em um ambiente onde vários jogadores interagem. Em outras palavras, a teoria dos jogos estuda as escolhas de comportamentos ótimos quando o custo e beneficio de cada opção não é fixo, mas depende, sobretudo, da escolha dos outros indivíduos.(fonte: Wikipedia)
Mas o que a Teoria do Jogos tem a ver com BPM, processos e organizações? 
Podemos definir uma organização com um conjunto de pessoas e recursos reunidos para a realização de um objetivo comum, certo? A resposta para isso é: nem sempre. 
Desde Adam Smith com seu histórico livro A Riqueza das Nações, passando pela chamada Administração Científica de Taylor e Fayol e a produção em massa do Fordismo, produtividade esteve ligada à divisão social do trabalho, especialização das atividades no processo produtivo e de gestão. Esse pensamento proporcionou verdadeiras revoluções de produtividade, moldando as feições do …